21.3 C
Soledade
quarta-feira, 25 de maio de 2022

Nurimar Bianchi é a patronesse da 16ª Feira do Livro

A tradicional Feira do Livro de Soledade acontece na próxima semana, durante os dias 05, 06 e 07/11 no Largo da Matriz. Em sua 16ª edição, neste ano, o evento tem como patronesse a professora, escritora, poeta e ativista cultural, Nurimar Bianchi.

Residindo em Soledade há 11 anos, ela é sempre muito atuante em todas as Feiras do Livro que aconteceram. Membro da Academia de Letras de Soledade (ASL) e parceira atuante dos eventos, Nurimar também é autora de livros e já lançou quatros obras em Soledade: Maria Bolacha & João Batatinha; O Gato Pelado; Ninho sem Penas e O Menino que Olhava pra Baixo.

Para ela, ser patronesse da Feira do Livro de Soledade é algo inexplicável. “De minha parte, confesso que fiquei surpresa e, no momento da divulgação, não consegui conter as lágrimas da emoção sentida. E naquele instante percebi que, além do contentamento, instalava-se a preocupação para fazer jus ao papel que me foi incumbido. Por isso, sinto que ser patronesse da feira é ter um papel fundamental na realização desse evento, não sendo apenas mero coadjuvante, mas protagonista em cada acontecimento, arregaçando as mangas para fazer acontecer”, relata.

“Sabemos que uma Feira do Livro se traduz além do que imaginamos. É a feira no lonão de nossa praça, são os livreiros ofertando leitura para todos os gostos, é o público perambulando entre os estandes, são as crianças que se tornam grandes leitores, os autores que lançam/vendem seus escritos, sentindo que suas ideias, enfim, terão continuidade. Portanto, é uma mescla de sentimentos que se espalha no espaço da feira, com gosto de uma festa coletiva, com a orquestra de cada palavra inserida nos livros”, considerou.

Enquanto professora, Nurimar também incentiva os alunos à leitura, o que é indispensável na vida de cada um. Ela avalia de forma bastante positiva a realização da Feira do Livro no município, sendo um princípio fundamental na formação dos cidadãos. “A Secretaria da Educação, juntamente com sua equipe do Centro Cultural, está sempre se renovando e trazendo novas alternativas que permeiam a educação. Nosso município merece aplausos no que tange à formação dos cidadãos, pois muitos projetos têm oferecido novos saberes, citando como exemplo: Soledade: Cidade Educadora. Acredito que essa é a semente para que se forme cidadãos do bem, engajados com a realidade e sendo protagonistas de suas próprias histórias”.

Nurimar Bianchi é uma pessoa simples que acredita nos sonhos e os busca, seja do jeito que for. Seu encanto maior é ainda “ver com os olhos da esperança”, crendo que o mundo ainda tem jeito. Por mais que a idade avance, ainda é uma menina que ouve seu “pássaro encantado”, mesmo quando as noites venham carregadas de breu ou temporais. E o melhor, crê nas pessoas e na tentativa da bondade. E na mágica de transformação através da leitura dos livros, pois é aí que se lê a própria existência.

Destaques

Últimas notícias