Entrevista

Larissa Bernardon Testa, representará Soledade no Miss RS latina

Por Informativo Regional

A soledadense Larissa Bernardon Testa, candidata à Miss RS Latina nos contou um pouco sobre a preparação para o concurso que ocorrerá em 2019 com data ainda a ser divulgada ‘’Sempre admirei concursos de beleza, mas nunca me imaginei participando de um. Tive o incentivo de um grande amigo para dar o pontapé inicial e resolver me inscrever no concurso. Ele foi fundamental, pois me motivou e me fez acreditar no meu potencial como ninguém”.

A partir daí tudo começou, e eu não podia representar outra cidade que não fosse Soledade, pois foi onde nasci e me criei, e mesmo não residindo mais aqui, sempre terei um carinho enorme por essa cidade e às pessoas que nela residem. Todo retorno me traz uma sensação de aconchego de lar, aquele que só sentimos junto à família. Sem dúvidas poder representar minha cidade me traz um orgulho enorme e dá mais sentido a minha trajetória no Miss Rio Grande do Sul latina’’ disse.

Sobre seus patrocinadores comentou “Meu grande amigo, incentivador e primeiro patrocinador foi o Nicolas Loronha, do salão de beleza Nicolas Fashion Hair. Ele tem sido uma pessoa fundamental para mim nos últimos meses e sou muito grata por isso. Além disso, já estou contando com o patrocínio da profissional Dani Petter Esteticista, que me disponibilizou todos os tratamentos necessários para que eu fique ainda mais bonita e confiante para o concurso”.

“Por fim, e não menos importante, tenho minha família como meus principais apoiadores, que estiveram ao meu lado e me incentivaram desde o primeiro momento, principalmente meu pai, Jussandro Ivonei Testa, e minha mãe,Bianca Bastos Bernardon. Ainda preciso de mais patrocínios, que espero tentar conseguir em Soledade no decorrer dos próximos dias” acrescentou. Sobre sua preparação ressaltou que sua rotina já tem mudado bastante, pois era uma pessoa extremamente envergonhada e tímida em frente às câmeras. Tive que aprender a mudar isso e a me soltar. Estou adorando superar essas barreiras que tinha dentro de mim e tenho grandes expectativas para o próximo ano”.

“Sobre a alimentação, confesso que essa vai ser a parte mais complicada para mim. Não sou uma pessoa que costuma ter hábitos alimentares saudáveis e no momento não estou praticando exercícios físicos. Não pretendo chegar ao extremo e me privar do que gosto, mas a partir de agora irei procurar um profissional para me ajudar em uma reeducação alimentar e iniciar atividades físicas para que, nesse quase um ano de preparo, possa atingir um resultado satisfatório em relação ao físico, que é um ponto importante para o concurso” concluiu.