Série de Reportagens

A energia que move o cooperativismo

Há 51 anos, Coprel transforma a realidade do interior e da cidade

Por Informativo Regional

A Coprel nasceu da união de famílias que deram as mãos, e que tornaram possível o sonho da energia elétrica para o interior. A Coprel Cooperativa de Energia está presente em 72 municípios do Rio Grande do Sul, transformando a realidade das famílias do interior e da cidade e apoiando o desenvolvimento das comunidades, com o fornecimento de energia elétrica de qualidade. E a Coprel celebra neste dia 06 de julho, o dia Internacional do Cooperativismo. 

           Com modelo de governança democrático e participativo, a Coprel atua com transparência na gestão, e conta com um Conselho de Administração e Fiscal atuantes. A participação dos Conselheiros Consultivos nos municípios da área de atuação, representa um elo entre a Coprel e as principais demandas dos cooperantes. 

A Coprel faz parte do ramo das cooperativas de infraestrutura. De acordo com dados da Ocergs Organização Cooperativa, as cooperativas de infraestrutura do Rio Grande do Sul tiveram um incremento de 23,9% no faturamento de 2018, em relação ao período anterior. A Coprel dentro do seu modelo de gestão busca pela satisfação de cada cooperante, distribuindo energia elétrica com agilidade, resolutividade e segurança, acreditando no cooperativismo como fundamental para o bem estar das comunidades. 

A Coprel acredita na força do cooperativismo, e o seu crescimento é o resultado do trabalho de cada um dos cooperantes que desenvolvem a região. De acordo com o presidente da Coprel, Jânio Vital Stefanello, o cooperativismo torna os pensamentos individuais em ações concretas para o coletivo. “Hoje somos uma cooperativa que ajudou a mudar o cenário do interior, levando conforto, mais renda e desenvolvimento ao meio rural e para várias áreas urbanas, com energia e internet, garantindo a qualidade nos serviços prestados. A intercooperação com outras cooperativas nos projetos de geração de energia permite aumentar a nossa capacidade de investimento, gerando mais energia limpa e renovável, com sustentabilidade”, disse Stefanello.