Série de Reportagens

Para Moacir Cerini, Mormaço merece mais

Por Informativo Regional

Moacir Cerini, foi vice-prefeito, prefeito e um dos integrantes da comissão que deu início a emancipação de Mormaço. Agora, comemorando 28 anos de autonomia do Município, o sentimento reflete em felicidade e gratidão por ter feito parte da historicidade mormacense.

“Só desejo e quero coisas boas para o Município. Desde sempre ajudei no que pude, e acredito que se a cidade não fosse emancipada, nada mais existiria aqui, seria uma simples vila. Por isso, naquela época procuramos trabalhar a fim de que Mormaço crescesse e conseguimos”, aduziu Cerini.

“Porém, penso que o Município poderia estar melhor do que a situação que se encontra atualmente. Mormaço não oferece muitos empregos. Já foi tentado trazer industrias, mas não deu certo. Por isso, acredito que é necessário investir no povo daqui, pois se as pessoas de fora querem se estabelecer aqui, os mesmos devem dar contrapartida”, explicou ele.

Conforme Moacir, os indivíduos que chegarem ao Município para trabalhar, terão um grande crescimento profissional. “Há tempos atrás, quando Mormaço ainda não era emancipado, poucas pessoas tinham o ensino médio completo, pois muitos pais não tinham condições. Contudo, após a emancipação, diferentes pessoas conseguiram se formar aqui e hoje são grandes profissionais como médicos, deputados, etc.”, pontuou ele afirmando que se sente realizado por ter feito parte da emancipação e administração de Mormaço.