Série de Reportagens

Monumentos contam e preservam história do município

Especial 29 anos de Mormaço

Por Informativo Regional

Monumentos são criados mundo afora para preservar memórias e marcar acontecimentos. As histórias que eles contam vão desde as civilizações antigas, até as mais contemporâneas. Em Mormaço, além de indicar aspectos históricos, as construções revelam a cultura, a tradição e a identidade do povo mormacense.

Localizada no Cemitério Luterano e considerada um monumento histórico de Mormaço, a torre da antiga igreja do município foi construída em 1952 e faz parte dos 29 anos de emancipação de Mormaço.

O mormacense, Osmaldo Schoroeder, que reside há 72 anos no município, é um dos conhecedores das histórias da Igreja Evangélica Luterana e da torre do Cemitério Luterano. “Para construir a torre, pelo que sei, houve uma mobilização de muitas pessoas naquele tempo, onde fizeram doações de materiais para que ela fosse construída. Anteriormente, não havia torre, apenas a igreja, a qual foi levantada há muitos anos antes. No primeiro estatuto da comunidade luterana, que foi escrito em 1929, temos todos os nomes das pessoas que fizeram parte da idealização e construção da torre”, conta ele.

Ao longo dos anos, atuais membros da comunidade luterana abriram uma cápsula do tempo, que tinha sido fechada no ano de 1952, e que estava guardada na base da torre, onde encontraram documentos históricos do local. “Os registros históricos estavam guardados em uma pedra fundamental. Conseguimos resgatar todos os documentos, os quais constam as pessoas que ajudaram, o padrinho da torre, o da porta da igreja, um livro de orações, além de outros registros históricos, que hoje encontram-se guardados também”, lembra Osmaldo.

Atualmente, segundo ele, a prioridade da comunidade luterana é a reestruturação da torre. “Ela ainda não foi restaurada devido a pandemia, porque não pudemos fazer eventos para arrecadar fundos, já que a reforma demanda de bastante recursos. Todos os anos, colocamos em nossas assembleias que a restauração da torre é uma das nossas prioridades, porque é um monumento histórico no município de Mormaço”, aduziu Schoroeder.

Atual Igreja Evangélica Luterana

Outro símbolo que faz parte da história do município de Mormaço é a atual Igreja Evangélica Luterana, que foi construída na década de 80, após decisão de toda comunidade luterana. “Com muito sacrifício e esforço, conseguimos construir essa nova igreja, onde contamos com apoio financeiro de todos os membros e da Obra Gustavo Adolfo, que faziam parte da igreja naquele tempo”, relembrou Osmaldo.

Mesmo após muitos anos de inauguração, hoje a igreja encontra-se em boas condições, sem a necessidade de uma nova estruturação. “Nossa igreja foi muito bem construída e provavelmente vai estar em boas condições por muitos anos. Além disso, com a construção dessa igreja, atualmente, ela encontra-se mais próxima do centro de Mormaço”.

Osmaldo é um dos moradores mais antigos de Mormaço, município em que nasceu, se criou e vive até os dias de hoje. “Para emanciparmos o município foi muito difícil, mas com a união de esforços conseguimos dar melhores condições para as pessoas que aqui residem atualmente. Em breve, os jovens serão nossos substitutos e peço que cuidem de Mormaço e façam esforços para o progresso do município, por mais que seja pequeno, é um município repleto de pessoas de bem e honestas”, finalizou.

 

Fotos: Édna Malaquias